Mensagem do dia (15/08/2021)

Quem pode imaginar a glória de que a rainha do mundo foi cercada quando de sua passagem? Que afeto devoto dedicaram-lhe a multidão de legiões celestes que foram ao seu encontro! Como eram belos os cânticos que a acompanhavam até o seu trono! Que fisionomia tranqüila, que rosto sereno, que olhar elevado quando do braço de seu divino Filho que a exaltava acima de todas as criaturas! Acredito que neste dia a milícia dos Céus foi festivamente encontrar a mãe de Deus cercando-a de imensa luz e conduzindo-a com loas e cânticos até o trono de Deus. A milícia da Jerusalém celeste estremeceu de inefável alegria, de indizível prazer, de imenso júbilo. Essa festa, que acontece apenas uma vez ao ano para nós, é ininterrupta nos Céus, com o próprio Salvador estando com ela durante toda a festa e colocando-a com alegria junto dele no trono. Se fosse diferente, não teria cumprido sua própria lei que diz: Honre seu pai e sua mãe?

São Jerônimo.

Mensagem do dia (18/08/2019)

Mãe de Deus, templo vivo da divindade santíssima do Filho único, em ação de graças o repito: na verdade, a tua assunção não te afastou nada dos cristãos. Vives imperecível, mas não estás longe deste mundo perecível. Pelo contrário, estás próxima de quantos te invocam e quem te procura com fé encontra-te. Convinha que o teu espírito permanecesse sempre forte e vivo e que o teu corpo fosse imortal. Com efeito, como poderia a corrupção da carne reduzir-te a cinzas e a pó, a ti, que livraste o homem do fracasso da morte, pela encarnação do teu Filho?

São Germano de Constantinopla.

Mensagem do dia (19/08/2018)

Os anjos e arcanjos te transladaram. Ante teu traslado os espíritos imundos, que voam pelos ares, se estremeceram de espanto. Com tua passagem o ar ficou abençoado e tudo foi santificado. O céu, com gozo recebeu tua alma. As potestades celestiais saíram ao teu encontro, cantando hinos sagrados com festiva alegria e expressando-se com estas ou parecidas palavras: quem é esta que sobe toda pura, surgindo como a aurora, formosa como a lua e brilhante como o sol? Oh! Que formosa és e toda cheia de suavidade! O Rei te introduziu em sua câmara, onde as potestades te escoltam, os principados te abençoam, os tronos entoam cânticos em tua honra, os querubins se maravilham e os serafins proclamam teus louvores, já que, por divina disposição, foste constituída verdadeira Mãe do Senhor.

São João Damasceno.

Mensagem do dia (15/08/2017)

Eu vos vejo adormecida e não morta: vós fostes assunta, da terra ao Céu e, não obstante, não cessais de proteger o gênero humano… Mãe, permanecestes virgem, porque “Ele era Deus, aquele a quem vós destes à luz”. Assim atua, igualmente, vossa “morte viva”, tão diferente da nossa: somente vós – o que é mais do que justo – tendes o corpo e a alma íntegros, puros, incorruptos.

São Teodoro Estudita.

Mensagem do dia (17/08/2014)

Hoje, o Éden recebe o paraíso espiritual do novo Adão, onde nossa condenação foi revogada; a árvore da vida, plantada; e nossa nudez recoberta. Hoje, a Virgem imaculada, intocada, preservada de qualquer paixão do mundo, porém, formada pelos desígnios celestes, sem retornar à Terra, habita – céu vivo – nas moradas celestes.

São João Damasceno.

Mensagem do dia (18/08/2013)

Celebramos a glorificação da nossa Mãe e é natural que nós, seus filhos, sintamos um júbilo especial ao ver como é honrada pela Trindade Beatíssima (…). Todos somos seus filhos; ela é Mãe de toda a Humanidade. E agora, a Humanidade comemora a sua inefável Assunção: Maria sobe aos céus, Filha de Deus Pai, Mãe de Deus Filho, Esposa de Deus Espírito Santo. Mais do que Ela, só Deus.

São Josemaría Escrivá.