Mensagem do dia (16/09/2021)

Na verdade, não pode haver vitória sem que tenha havido combate. Mas, se houver vitória, então será dada a coroa aos vencedores. É na procela que se conhece o piloto, é no combate que se prova o soldado. Quando não há perigo, é fraca a agitação da luta. O combate nas adversidades é uma provação para a verdade. A árvore que tem raízes profundas não é abatida pelos ventos; a nau bem construída é agitada pelas ondas mas não é perfurada.

São Cipriano de Cartago.

Mensagem do dia (10/09/2021)

Viver para Deus não significa porém, virar as costas para as coisas criadas: à profissão, ao progresso e bem-estar humanos; aos grandes empreendimentos da sociedade, da Igreja e da Pátria. Mas só devemos viver para essas coisas na medida em que, acima delas, acima de tudo quanto nos rodeia ou parece que se nos pede, o nosso olhar for mais longe e contemplar o essencial: Deus. É a Ele que tudo deve ser referido. É unicamente Deus que deve ser procurado em todas as coisas.

Padre Benedikt Baur.

Mensagem do dia (30/08/2021)

Desejais uma recordação de mim. Outra recordação não tem a dar-vos se não um convite à santidade. As pessoas parecem que não se deixam mais convencer pela nossa pregação, mas defronte à santidade ainda crêem, ainda se ajoelham e rezam. As pessoas parecem que vivem ignorantes das realidades sobrenaturais, indiferentes aos problemas da salvação. Mas se um Santo autêntico, ou vivo ou morto, passa, todos correm na sua passagem. […] Não esqueçais que o diabo não tem medo dos nossos campos esportivos e dos nossos cinemas, mas tem medo, contudo, de nossa santidade.

Beato Alfredo Ildefonso Schuster.

Mensagem do dia (29/08/2021)

Se acreditais em Cristo, praticai as obras de Cristo, para que a vossa fé viva. O amor animará essa fé, a ação será prova dela. Vós que pretendeis habitar em Cristo, tendes de caminhar seguindo os seus passos. Procurar a glória, invejar os que são felizes neste mundo, dizer mal dos ausentes e pagar o mal com o mal não são as coisas que Deus fez. Dizeis que conheceis a Deus, mas os vossos atos negam-no.

São Bernardo de Claraval.

Mensagem do dia (25/08/2021)

É uma missão muito nobre e fonte de grandes merecimentos dedicar-se à educação das crianças, especialmente as mais pobres, a fim de ajudá-las a alcançar a vida eterna. Quem se tornar seu mestre, através da formação intelectual, deve se comprometer com a sua educação, sobretudo na fé e na piedade; ter, de algum modo, a função de ser seu anjo da guarda e, sumamente, benemérito do seu desenvolvimento humano e cristão.

São José Calazans.

Mensagem do dia (24/08/2021)

A nossa eternidade bem-aventurada começou no dia do nosso batismo. É aqui, na terra, que começamos o nosso céu, orando a Deus e observando os seus mandamentos. A religião não é somente um assunto que diga respeito à outra vida; tem a sua função, e muito importante, nesta vida. Deve reger a nossa vida presente.

Padre Georges Chevrot.

Mensagem do dia (22/08/2021)

Sabemos que enquanto a matéria do pão não for consumida pelo calor natural do corpo, Jesus está em nós; consequentemente, aproximemo-nos d’Ele. Quando Ele estava neste mundo, o simples contato das suas vestes curava os doentes; se temos fé, não podemos duvidar de que Ele continua a fazer milagres quando está tão intimamente unido a nós. Porque não há de dar-nos aquilo que Lhe pedimos, se está em nossa casa?

Santa Teresa d’Ávila.

Mensagem do dia (20/08/2021)

De todos os movimentos, sensações e sentimentos da alma, o amor é o único em que a criatura pode responder ao Criador e fazer algum tipo de retribuição semelhante, por mais desigual que seja. Pois quando Deus ama, tudo o que Ele deseja é ser amado de volta. O único propósito do Seu amor é ser amado, sabendo que aqueles que O amam são feitos felizes por seu amor a Ele.

São Bernardo de Claraval.

Mensagem do dia (15/08/2021)

Quem pode imaginar a glória de que a rainha do mundo foi cercada quando de sua passagem? Que afeto devoto dedicaram-lhe a multidão de legiões celestes que foram ao seu encontro! Como eram belos os cânticos que a acompanhavam até o seu trono! Que fisionomia tranqüila, que rosto sereno, que olhar elevado quando do braço de seu divino Filho que a exaltava acima de todas as criaturas! Acredito que neste dia a milícia dos Céus foi festivamente encontrar a mãe de Deus cercando-a de imensa luz e conduzindo-a com loas e cânticos até o trono de Deus. A milícia da Jerusalém celeste estremeceu de inefável alegria, de indizível prazer, de imenso júbilo. Essa festa, que acontece apenas uma vez ao ano para nós, é ininterrupta nos Céus, com o próprio Salvador estando com ela durante toda a festa e colocando-a com alegria junto dele no trono. Se fosse diferente, não teria cumprido sua própria lei que diz: Honre seu pai e sua mãe?

São Jerônimo.