Mensagem do dia (30/06/2021)

Os mártires de Cristo, a Ele unidos, destroçam os principados e as potestades, com Cristo triunfam sobre eles; e, deste modo, tendo participado nos seus sofrimentos, tomam parte também nos merecimentos que Ele alcançou com a sua heróica fortaleza. Que outro dia de salvação haverá tão verdadeiro como aquele em que deste modo deixais a terra?

Orígenes.

Mensagem do dia (29/01/2021)

Consola os aflitos, visita os enfermos, sê solicito com os pobres: esta é a oração. A oração é boa, e suas obras são maravilhosas. A oração é aceita quando consola o próximo. A oração é escutada quando nela se encontra também o perdão das ofensas. A oração é forte quando está cheia da força de Deus.

Santo Afraates.

Mensagem do dia (31/12/2020)

Eu peço a Deus, ao Divino Infante, para este ano a graça de uma vida interior mais forte e toda sobrenatural, de uma vida exterior toda devotada ao caro próximo. Que a serenidade do meu coração se consolide e irradie a todos; que mais austera no interior, me torne acolhedora de cada um, gentil para com a vida, os seres e as provações. Servi-vos de mim, Mestre adorado, segundo vossa vontade, em favor das almas, para vossa glória.

Élisabeth Leseur.

Mensagem do dia (09/12/2020)

O tempo do Advento coloca-nos diante da miséria da humanidade, da pobreza e aperto da Igreja, da nossa própria miséria. Pobre humanidade: por mais que se julgue autossuficiente, é tão insuficiente, por mais que deseje ser seu próprio deus, não passa de pó que o vento leva… Pobre Igreja, tão santa pela santidade de Cristo, o Santo de Deus, mas tão envergonhada pelos pecados de seus filhos e até de seus pastores, que deveriam ser exemplo e orgulho do rebanho; tão difamada, tão vilipendiada, tão humilhada nos dias atuais. Pobres de nós, que vivemos uma vida tão cheia de percalços e angústias, de lutas e lágrimas, de desafios que, às vezes, pararem mais fortes que nós! Eis a humanidade!

Dom Henrique Soares da Costa.

Mensagem do dia (31/07/2020)

Por amor de Deus procurai sempre caminhar em frente, fugindo sempre dos inconvenientes. Se souberdes fugir destes, a tentação não poderá ter nenhuma força contra vós. É isto que sempre deveis fazer, antepondo o louvor do Senhor a todas as coisas, tanto mais que o Senhor não vos manda que façais coisas que redundem em detrimento ou trabalho da vossa pessoa; pelo contrário, quer que vivais alegremente n’Ele, dando ao corpo o necessário.

Santo Inácio de Loyola.

Mensagem do dia (19/07/2020)

O coração do homem terá de permanecer assim até ao fim: uma combinação de bem e de mal, de luz e de trevas, de boa semente e de cizânia. Deus não quis destruir esta combinação e refazer a nossa natureza, de tal maneira que nela houvesse apenas boa semente. Ele quer que combatamos, que trabalhemos para impedir que a cizânia invada o nosso campo. O demônio semeia as tentações; mas, com a graça de Deus, nós temos força para o vencer, para impedir que a cizânia cresça.

São João Maria Vianney (Cura d’Ars).

Mensagem do dia (28/06/2020)

Inicialmente, Pedro e Paulo eram fracos e não eram capazes de guiar, nem a si próprios, nem aos outros. E aqui aparece o grande desígnio do Senhor: se tivessem sido sempre fortes, poder-se-ia pensar que a sua força vinha deles. O Senhor, antes de os fortalecer, também quis mostrar aquilo de que eram capazes, para que todos soubessem que a sua força vem de Deus.

Santo Aelred de Rievaulx.

Mensagem do dia (08/04/2020)

Jesus sabia de antemão o que aconteceria com ele. Quando Jesus comeu a refeição da Páscoa com seus doze apóstolos, ele os colocou a prova e em dúvida (“um de vocês me trairá”) para ensiná-los a se examinarem corretamente, para evitar que fossem pretensiosos e se considerassem mais fortes do que de fato eram. Nós também devemos examinar a nós mesmos à luz da verdade e graça de Deus e pedir que Ele nos fortaleça na fé, esperança e amor, para que não falhemos com Ele ou O abandonemos quando somos tentados. Você deposita confiança suficiente nas palavras que Jesus nos deu para orar: “Não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal”?

Don Schwager (fonte: www.dailyscripture.net)

Mensagem do dia (13/01/2020)

Nos dias difíceis e de tempestade da Igreja, ai das almas minadas pela incerteza e nas quais a fé e a piedade estiverem ainda em estado embrionário ou ainda na infância. Umas, surpreendidas no embaraço de suas incertezas e atrasadas por causa das irresoluções de seu espírito constantemente irrequieto, estarão muito pesadas para escapar às perseguições do anticristo. Outras, tendo apenas degustado os mistérios da fé em embebidas somente de uma fraca dose de ciência divina, não terão força suficiente e habilidade necessário para resistir a tão grandes assaltos.

Santo Hilário de Poitiers.

Mensagem do dia (18/08/2019)

Mãe de Deus, templo vivo da divindade santíssima do Filho único, em ação de graças o repito: na verdade, a tua assunção não te afastou nada dos cristãos. Vives imperecível, mas não estás longe deste mundo perecível. Pelo contrário, estás próxima de quantos te invocam e quem te procura com fé encontra-te. Convinha que o teu espírito permanecesse sempre forte e vivo e que o teu corpo fosse imortal. Com efeito, como poderia a corrupção da carne reduzir-te a cinzas e a pó, a ti, que livraste o homem do fracasso da morte, pela encarnação do teu Filho?

São Germano de Constantinopla.

Mensagem do dia (01/02/2019)

Ninguém adentra os portões do céu por ser famoso, milionário ou forte. Na verdade, a sabedoria mundana é pura tolice. Em contraste com o sobrenatural, a futilidade do elogio humano torna-se evidente. Deveríamos sempre nos perguntar: O que é isso à luz da eternidade? Constataríamos, na verdade, que quase tudo são apenas pó e cinzas.

Alice Von Hildebrand.

Quadro do pintor norte-americano Luke Steadman, intitulado
“Soul Searching II”, site www.lukesteadman.com

Mensagem do dia (03/01/2019)

Ó nome glorioso, gracioso, amoroso e animoso! Por ti se perdoam todos os pecados, se vence o inimigo, se curam os enfermos e nas adversidades se encorajam e consolam os que sofrem. Tu és a glória dos que crêem, o mestre dos que pregam, a força dos que trabalham, o remédio dos que estão em necessidade.

São Bernardino de Sena.