Para a glória de Deus, em comunhão com a Santa Igreja Católica Apostólica Romana

Jornada Cristã


Posts Tagged ‘oferecimento’

domingo, fevereiro 2nd, 2020

“O ‘rei da glória’ é, agora, um pequeno recém-nascido de quarenta dias, que é levado ao Templo para ser oferecido a Deus, segundo a prescrição da lei de Moisés. Quem é na realidade este recém-nascido? A resposta a esta pergunta, fundamental para a história do mundo e da humanidade, é dada profeticamente pelo velho Simeão, que, tomando a criança nos seus braços, vê e intui nela ‘a salvação’ de Deus, a ‘luz para iluminar os povos’, a ‘glória’ do povo de Israel, a ‘queda e o ressurgimento de muitos em Israel’, o ‘sinal de contradição’. Tudo isto é aquela criancinha, que, embora sendo o ‘rei da glória’, o ‘Senhor do Templo’, ali entra pela primeira vez, no silêncio, no escondimento e na fragilidade da natureza humana.”

quarta-feira, janeiro 8th, 2020

“Tomarei o cuidado de manter-me tanto quanto possível na presença de Deus, especialmente na conversação, para que não diga palavras inúteis. Oferecerei constantemente meu coração a Deus, principalmente antes de iniciar qualquer ação.”

domingo, janeiro 5th, 2020

“Guiados pela estrela, os magos que vieram do Oriente até Belém entraram na casa onde a Bem-aventurada Virgem Maria se encontrava com o Menino; e, abrindo os seus tesouros, ofereceram três coisas ao Senhor: ouro, incenso e mirra, pelos quais confessaram que Ele era verdadeiramente rei, verdadeiramente Deus e verdadeiramente homem. São também estes os dons que a Santa Igreja não cessa de oferecer a Deus, seu Salvador. Oferece o incenso, quando crê e confessa que Ele é o verdadeiro Senhor, o Criador do universo; oferece a mirra, quando afirma que Ele tomou a substância da nossa carne, na qual quis sofrer e morrer pela nossa salvação; oferece o ouro quando não hesita em proclamar que Ele reina eternamente, com o Pai e o Espírito Santo.”

quinta-feira, Maio 3rd, 2018

“Chamo grande a virtude da obediência, não só porque ela oferece a Deus em holocausto e sacrifício a parte mais nobre da criatura que é a mente, ditame e vontade, mas também porque nenhuma outra virtude garante mais o acerto. Com a obediência, a criatura não age por si, mas sim, como instrumento de quem a governa e manda.”


Get Adobe Flash player Plugin by wpburn.com wordpress themes