Mensagem do dia (18/01/2022)

Uma mulher por sua própria natureza é maternal, pois toda mulher, casada ou solteira, é chamada a ser mãe biológica, psicológica ou espiritual – ela sabe intuitivamente que dar, nutrir, cuidar dos outros, sofrer com e por eles (pois a maternidade implica sofrimento) é infinitamente mais valioso aos olhos de Deus do que conquistar nações e voar para a lua.

Alice von Hildebrand.

Mensagem do dia (03/06/2021)

Cristo disse: Quem me come fica sob a minha proteção. É meu irmão. Meu amigo. Vive na minha casa. Abre-nos os olhos, Senhor, para que possamos ver que nos convidas a comer, que nos dás o pão. Abre-nos os olhos para que possamos ver a fome dos outros. Tu nos dás o pão, tu nos dás o teu amor. Ajuda-nos antes a dar o que recebemos: pão e amor.

Beata Chiara Luce Badano.

Mensagem do dia (15/03/2020)

Dir-se-ia que o Senhor, por vezes, troca os papéis, quando mediante a graça atual nos solicita para que oremos, para que tributemos à Providência este culto que lhe é devido e dela recebamos o que mais temos necessidade. Lembremos aquele exemplo de Nosso Senhor induzindo a Samaritana a orar: “Se conhecesses o dom de Deus, você mesmo me pediria de beber… e Eu te daria a água viva…, que jorra para a vida eterna.” Nosso Senhor suplica para que recorramos a Ele; Ele é “paciente em esperar e impaciente para conceder”. Nosso Senhor é como um pai que tem de antemão resolvido agradar a seus filhos, porém os induz a pedir-lhe. Jesus queria converter a Samaritana, e pouco a pouco fez a oração brotar da alma daquela mulher; porque a graça santificante não é como um licor que se verte em um vaso inerte, antes bem, uma vida nova que o adulto não recebe sem a condição de desejá-la.

Padre Reginald Garrigou-Lagrange.

Mensagem do dia (11/11/2018)

No Evangelho de Lucas, o Senhor ensina como devemos ser misericordiosos e generosos para com os pobres, sem nos determos a pensar na nossa pobreza; porque a generosidade não se avalia segundo a abundância do patrimônio, mas segundo a disposição de dar. É por isso que a palavra do Senhor deu preferência entre todos à viúva, acerca da qual diz: “Esta viúva deu mais do que todos”.

Santo Ambrósio.