Mensagem do dia (12/05/2021)

Nós não podemos nada, não sabemos nada, não somos nada…, porém o Senhor é tudo, sabe tudo, pode tudo. Se nos abandonarmos nas mãos de Jesus Cristo como instrumentos dóceis, se, confiados em sua palavra, nos lançarmos mar adentro, as dificuldades desaparecerão, desvanecer-se-ão como a fumaça – mesmo que às vezes em nossa carne feridas e arranhões –, e a terra do mundo, seca e sedenta de Deus, será transformada em jardim radiante, cheio de flores e de frutos.

Beato Álvaro del Portillo.

Mensagem do dia (16/04/2021)

Bernadete é a filha maior de uma família muito pobre, que não possui ciência nem poder, e é frágil de saúde. Maria escolhe-a para transmitir a sua mensagem de conversão, oração e penitência, em plena sintonia com a palavra de Jesus: «Escondeste estas coisas aos sábios e aos entendidos e as revelaste aos pequeninos».

Papa Bento XVI.

Mensagem do dia (06/04/2021)

«Maria!» Ó Senhor, tu chamaste a tua serva pelo seu nome de família e ela reconheceu imediatamente a voz familiar do seu Senhor. «Maria!» Palavra tão doce, tão transbordante de ternura e de amor! Ser-Te-ia impossível, Mestre, dizê-lo de forma mais breve e mais forte: «Maria! Sei quem tu és. Sei o que queres. Eis-Me aqui! Não chores mais. Eis-Me aqui, Aquele que procuras.» Imediatamente as lágrimas mudam de natureza; pois como poderiam ser estancadas, quando agora brotam de um coração em festa?

Santo Anselmo de Cantuária.

Picture 089

Mensagem do dia (25/03/2021)

Graças a esta luz, ó Maria, não foste como as virgens insensatas, mas estavas cheia da virtude da prudência. Foi por isso que quiseste saber como se poderia cumprir o que o anjo te anunciava. Tu sabias que «a Deus nada é impossível» e não tinhas qualquer dúvida sobre isso; então porque disseste: «eu não conheço homem»? Não era a fé que te faltava; foi a tua humildade profunda que te fez dizê-lo. Não duvidavas do poder de Deus, mas consideravas-te indigna de tão grande prodígio. Se te perturbaste com a palavra do anjo, não foi por medo. À luz do próprio Deus, parece-me que foi mais por admiração. E que admiravas tu, ó Maria, senão a imensidade da bondade de Deus? Olhando para ti própria, julgavas-te indigna daquela graça e ficaste estupefacta. A tua pergunta é a prova da tua humildade. Não estavas cheia de medo, mas unicamente de admiração diante da imensa bondade de Deus, comparada com a tua pequenez, com a tua humilde condição.

Santa Catarina de Sena.

Mensagem do dia (07/02/2021)

Se Jesus Se aproximasse de nós e nos curasse da febre com uma simples palavra! Porque cada um de nós tem a sua febre. Quando me irrito, tenho febre – tantos vícios, outras tantas febres. Peçamos aos apóstolos que supliquem a Jesus que Se aproxime de nós, que nos toque com a mão. Se o fizer, a febre desaparecerá imediatamente, porque Jesus é um excelente médico. É Ele o verdadeiro, o grande médico, o primeiro de todos os médicos.

São Jerônimo.

Mensagem do dia (12/12/2020)

As aparições de Guadalupe são uma mensagem de esperança e um convite à conversão ao Deus verdadeiro. Maria é a mãe misericordiosa que apresenta seus filhos a Jesus. Ensina-lhes que a mensagem cristã é dirigida a todos, sem exclusão de ninguém. Escolhendo um pobre para se manifestar, deixa clara a preferência de Deus pelos mais necessitados. Ensina também que a pobreza evangélica exige total aceitação do plano de Deus, ilimitada confiança em sua palavra e generosa disponibilidade.

Dom Murilo Krieger.

Mensagem do dia (17/09/2020)

E se, então, queremos aprender a arte de viver e morrer corretamente, não sigamos a multidão que acredita e valoriza o que vê, mas sigamos a Jesus Cristo e aos apóstolos, que pela palavra e exemplo nos ensinaram que as coisas presentes devem ser desprezadas e a glória do grande Deus e Salvador Jesus Cristo deve ser desejada a esperada. E, verdadeiramente, tão grande é esta glória, que esperamos pelo retorno de nosso Senhor Jesus Cristo, que todas as glórias passadas, riquezas e alegrias deste mundo, serão consideradas como nada, e aqueles chamados tolos e infelizes, que confiaram em assuntos tão importantes em palavras sábias, serão salvos.

São Roberto Belarmino.

Mensagem do dia (03/07/2020)

Tomé, leva a notícia da ressurreição àqueles que não Me viram. Conduz toda a terra a acreditar, não nos seus olhos, mas na tua palavra. Vai até aos povos e às cidades longínquas. Ensina-lhes a levar a cruz aos ombros, em vez das armas. Basta que Me anuncies: acreditarão e adorar-Me-ão. Não exigirão outras provas. Diz-lhes que são chamados pela graça e tu, contempla a fé deles: em verdade, felizes os que crêem sem terem visto.

Basílio da Selêucia.

Mensagem do dia (14/06/2020)

Irmãos queridos, compreendamos a nossa vocação: na sua misericórdia, Deus não nos chamou apenas para nosso próprio benefício, mas também para o serviço e a salvação de muitos outros. Vamos, portanto, mundo fora; pela palavra e pelo exemplo, exortemos os homens e as mulheres a penitenciarem-se dos seus pecados e a recordarem-se dos mandamentos de Deus, que durante tanto tempo mantiveram no esquecimento.

São Francisco de Assis.

Mensagem do dia (21/09/2019)

Nada de espantoso que o publicano, ao primeiro e imperioso apelo do Senhor, tenha abandonado sua busca de lucros terrenos e, desprezando os bens temporais, tenha aderido àquele que via desinteressado de qualquer riqueza. É que o Senhor, chamando-o exteriormente pela sua palavra, tocava-lhe o mais fundo da alma, espalhando em seu coração, para que o seguisse, a graça espiritual.

São Beda, o Venerável.

Mensagem do dia (11/11/2018)

No Evangelho de Lucas, o Senhor ensina como devemos ser misericordiosos e generosos para com os pobres, sem nos determos a pensar na nossa pobreza; porque a generosidade não se avalia segundo a abundância do patrimônio, mas segundo a disposição de dar. É por isso que a palavra do Senhor deu preferência entre todos à viúva, acerca da qual diz: “Esta viúva deu mais do que todos”.

Santo Ambrósio.

Mensagem do dia (09/09/2018)

Através de dedos de carne, o surdo-mudo sentiu que lhe tocavam nas orelhas e na língua. Através de dedos palpáveis, percebeu a divindade intocável, quando o nó da sua língua foi quebrado e as portas fechadas das suas orelhas foram abertas. Porque o arquiteto e o artesão do corpo veio até ele e, com uma palavra suave, criou sem dor aberturas nas orelhas surdas; então, também a boca fechada, até então incapaz de dar vida à palavra, proclamou ao mundo o louvor d’Aquele que desta forma deu fruto à sua esterilidade.

Santo Efrém.

Mensagem do dia (27/06/2018)

Como podia o homem, inexoravelmente preso à terra e submetido à morte, ter de novo acesso à imortalidade? Era preciso que a sua carne se tornasse participante da força vivificadora que é Deus. Ora, a força vivificadora de Deus nosso Pai é a Sua Palavra, é o Filho Único; foi Ele que Deus nos enviou como Salvador e Redentor.

São Cirilo de Alexandria.

Mensagem do dia (31/05/2018)

É realmente a verdadeira carne de Cristo que foi crucificada, sepultada;
é verdadeiramente o sacramento desta carne.
O próprio Senhor Jesus declara: Isto é o meu corpo.
Antes da bênção das palavras celestes era outra realidade; depois da consagração, entende-se o corpo.
Ele mesmo diz que é seu sangue.
Antes da consagração é outra coisa; depois da consagração, chama-se sangue.
E tu dizes:
“Amém”; o que quer dizer: “É verdade”.
Confesse o nosso interior o que proclamam os lábios, sinta o afeto o que a palavra soa.

Santo Ambrósio.

Mensagem do dia (06/09/2015)

Cristo que no Evangelho vemos abrir os ouvidos e desatar o nó da língua ao surdo-mudo, descerre o teu coração e te dê sempre a alegria da escuta da sua palavra, a coragem do anúncio do seu Evangelho, a capacidade de falar de Deus e de falar assim com os irmãos e as irmãs, e finalmente a coragem da descoberta do Rosto de Deus e da sua Beleza!

Papa Bento XVI.

Mensagem do dia (13/07/2014)

Se me interrogais acerca do que Jesus Cristo quis dizer com este semeador que saiu de madrugada para ir espalhar a semente no seu campo, meus irmãos, o semeador é o próprio Deus, que começou a trabalhar pela nossa salvação desde o início do mundo, enviando-nos os Seus profetas antes da vinda do Messias, para nos ensinar o que era necessário para sermos salvos; e não Se contentou em enviar os Seus servos, veio Ele mesmo traçar-nos o caminho que devemos tomar, veio anunciar-nos a palavra santa.

São João Maria Vianney (Cura d’Ars).

Mensagem do dia (02/06/2013)

É a fé unida à humildade que o Senhor elogia neste centurião. […] Nós, como homens, não podemos medir a fé dos homens. Foi Aquele que vê o fundo dos corações, Aquele a Quem ninguém engana, que testemunhou como era o coração deste homem; ao ouvir as suas palavras repletas de humildade, responde-lhe com uma palavra que cura.

Santo Agostinho.